Prémio para o Audi RS Q e-tron

AM-12-13

 
Um incentivo extra para a Equipa Audi Sport pouco tempo antes da sua segunda participação no Rali Dakar (31 de dezembro de 2022 a 15 de janeiro de 2023): o inovador Audi RS Q e-tron ganhou um dos prémios mais importantes que é atribuído dentro da indústria do desporto automóvel.

Após uma pausa forçada de dois anos devido ao Covid-19, o World Motorsport Symposium, da revista especializada Race Tech, realizou-se em Londres, onde especialistas de todo o mundo trocaram opiniões sobre as últimas tendências no desporto automóvel. Em simultâneo, um júri de especialistas atribuiu prémios aos desenvolvimentos técnicos mais importantes. O Audi RS Q e-tron triunfou na categoria "Racecar Powertrain of the Year". Também estavam nomeadas a Mercedes (Fórmula E), a Toyota (Le Mans Hypercar) e a Swindon (BTCC Touring Cars).

"Ganhar este prémio e poder aceitá-lo em nome da Audi Sport em Londres foi um momento emocionante e incrivelmente especial", diz Stefan Dreyer, que, como Chefe de Desenvolvimento Audi Sport racing, é responsável pelo desenvolvimento do conceito inovador da motorização do Audi RS Q e-tron. "A equipa inteira pode orgulhar-se deste prémio. A história desde a criação do conversor de energia durante as discussões de desenvolvimento até à sua execução no veículo do Rali Dakar é inesquecível. A coragem, o foco, a perseverança, mas acima de tudo, a identificação com este conceito valeram a pena."

A Audi voltou a fazer história com a inovação técnica no desporto automóvel com o Audi RS Q e-tron. Na sua primeira participação no Rali Dakar, a Audi Sport celebrou quatro vitórias no pódio na sua primeira tentativa em janeiro. Em março, Stéphane Peterhansel e Edouard Boulanger venceram o Abu Dhabi Desert Challenge. Foi a primeira vitória de um protótipo com um sistema de transmissão alternativo num rali de cross-country.

O Audi RS Q e-tron tem uma transmissão elétrica com um conversor de energia. Consiste num motor de combustão interno e um gerador, bem como uma bateria de alta voltagem e dois motores elétricos, um no eixo dianteiro e outro no eixo traseiro. Em 2023, a Audi utilizará, adicionalmente, um combustível sustentável no Rally Dakar pela primeira vez. O combustível poupa mais de 60 por cento em emissões de dióxido de carbono.